Avisos Paroquiais
Receba nosso informativo diretamente em seu e-mail.
SANTO ANTONIO, ROGAI POR NÓS

13/06/2009

        Santo Antonio é chamado de trombeta do evangelho. Este título tem sentido bíblico, popular e simbólico.

     Multidões ainda buscam Santo Antonio para ouvir por intermédio dele, o falar de Deus a partir do texto sagrado do que outro texto. Ele nas suas pregações utilizava-se muito dos textos bíblicos muito mais do que suas próprias idéias. Por isso , o Papa Pio XII deu a ele o título de Doutor do Evangelho.        Olhando para a Bíblia, e em especial, para o Tempo do Rei Salomão, observamos que  a entrada do rei era acompanhada de sons de  trombetas. Era o rei que chegava. Santo Antonio ensinava seus discípulos para  que quando pregarem não anunciassem a sua própria chegada, mas anunciassem a chegada do Cristo pois, sem ele a nossa pregação é vã.         

No AT  o Jubileu ocorria de 50 em 50 anos e era anunciado através da trombeta. Era ano de perdão de todas as dívidas. No ano jubilar era restituída todas as coisas compradas. Era ano de bênçãos especiais de Deus para as pessoas. Era assim também a pregação de Santo Antonio. Ele pregava a Benção de Deus que ama uma comunidade. Ama a comunidade reconciliada. Antonio pregava a pacificação entre as pessoas e destas com Deus.  As pessoas são criadas pelas mãos amorosas do Criador e devem permanecer firme na pureza de vida.  

O evangelista Mateus diz que no Juízo Final,  Jesus virá sobre as nuvens do céus com  anjos tocando trombetas para reunir os povos diante de Deus.  São Paulo aproveitando desta imagem bíblica, diz  que ao último toque de trombeta os mortos  se levantarão. O nosso ser mortal se revistirá de imortalidade. Está  aqui a trombeta ligada ao sentido da ressurreição. Nós temos um destino eterno. Nós não nascemos para o cemitério. Nascemos para o céu.  Santo Antonio é chamado de trombeta do evangelho porque anuncia o Cristo vivo e ressuscitado no meio da comunidade cristã. Ele anunciou e anuncia para todas as gerações um tempo de reconciliação, de perdão , de especiais bênçãos de Deus para o povo e para cada um de nós.  Santo Antônio diz que a vida de cada  ser humano tem sentido de  ressurreição.

Santo Antônio de Lisboa, de Padoa e do Mundo inteiro. Deixou tudo para pertencer, inicialmente aos cônegos regulares de Santo Agostinho. Pestando um serviço de acolhimento, na sua casa religiosa, deparou-se com frades franciscanos que estavam indo para Marrocos em trabalho missionário. Ficou sabendo, mais tarde,  que todos eles foram martirizados. Entãio ele quis ser missionário na ordem dos franciscanos para também ser martirizado. Aconteceu que ele ficou enfermo e teve que retornar. No caminho acabou se encontrando com São Francisco de Assis. Neste encontro de santos, ele recebeu o aval para formar novos frades, ensinando-os na Sagrada Escritura e na doutrina. Ele se tornou canal da graça do Espírito santo. Ele viveu centrado na Eucaristia. Amou e foi devoto de Nossa Senhora e sempre lutou contra o pecado em todos os momentos. Entre os anos 1191 a 1195 foi o seu nascimento.

A pregação de Santo Antonio era acompanhada de muitos milagres que reconduziu muitas pessoas à fé da Igreja Católica. Em menos de um ano, Santo Antonio foi Canonizado, isto é, declarado Santo pela Igreja. Eis uma oração à Santo Antonio. Façamos nossos pedidos e rezemos:

Eis a cruz do Senhor

presenças inimigas fugi!

Venceu o leão da tribo de Judá

Filho de Davi!

Santo Antonio rogai por nós!

Pe. Rodolfo Muniz Leal  

Voltar

 
| Política de privacidade © 2009 Paróquia Nossa Senhora da Soledade. Todos os direitos reservados.